Segunda-feira, 27 de Setembro de 2021
Telefone: (54) 3383 3400
Whatsapp: (54) 9 9999-7374
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Tempo limpo
25°
12°
15°C
Espumoso/RS
Tempo limpo
No ar: Super Parada
Ao Vivo: Super Parada
Bom Dia Líder

Comitiva de Tio Hugo debate com a concessionária acessos a estabelecimentos comerciais às margens da BR 386

Comitiva de Tio Hugo debate com a concessionária acessos a estabelecimentos comerciais às margens da BR 386
21.06.2021 07h31  /  Postado por: Roger Nicolini

O prefeito Gilso Paz e os vereadores tio-huguenses Delcio Wiedthauper (PDT), Jéssica Muller (PSD) e Valduze Back Vollmer (PDT), participaram de uma reunião na sede da CCR – Via Sul em Porto Alegre, com a gerente de Relações Institucionais e Comunicação, Simone Suzzin, o engenheiro Fábio Hirch e Ângelo Semionatto, assessor de comunicação, todos representantes da empresa.

Entre os diversos assuntos debatidos, foi abordada a regularização dos acessos à estabelecimentos comerciais locais que estão às margens da BR- 386, além da implantação de mecanismos redutores de velocidade no perímetro urbano de Tio Hugo, especialmente na travessia das Ruas Rio de Janeiro e Paraná, próximo aos postos de combustíveis.

De acordo com o líder do Poder Executivo Municipal, os comércios localizados as margens da BR foram notificados pela CCR – Via Sul sobre a regularização dos acessos à rodovia. Gilso Paz destaca que as notificações fazem parte dos protocolos da empresa que hoje é a detentora da concessão da BR-386 e que não há motivos para aflição ou pressa por parte dos comerciantes, uma vez que a Administração Municipal de Tio Hugo está em contato com a empresa para maiores informações, com o intuito de instruir e orientar os empresários.

Outro assunto importante pautado na reunião, foi a instalação de redutores de velocidade na BR-386 no perímetro urbano de Tio Hugo, no local onde há maior circulação de pedestres e travessia de veículos, que é próximo aos postos de combustíveis. Na ocasião, os representantes da CCR – Via Sul ressaltaram que a implantação desses mecanismos depende de um estudo que será executado pela Superintendência da Polícia Rodoviária Federal – PRF, que fará um levantamento dos pontos que receberão redutores de velocidade.

A reunião foi avaliada como muito produtiva, uma vez que os encaminhamentos realizados pelos representantes do município são importantes e poderão ter um resultado positivo.

Fonte e foto: ASCOM TIO HUGO

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.