Quinta-feira, 29 de Julho de 2021
Telefone: (54) 3383 3400
Whatsapp: (54) 9 9999-7374
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Tempo limpo
-1°
0°C
Espumoso/RS
Tempo limpo
No ar: Café da Líder
Ao Vivo: Café da Líder
Bom Dia Líder

Avança proposta de gerar renda pela cultura gaúcha

Avança proposta de gerar renda pela cultura gaúcha
28.05.2021 07h39  /  Postado por: Roger Nicolini

Um passo gigante dentro da proposta de gerar emprego e renda pela cultura gaúcha está prestes a se tornar real. A secretaria da Cultura do estado já trabalha no edital que vai destinar R$ 2 milhões a oficinas de artes gaúchas em CTGs, a partir de emenda parlamentar do senador Luis Carlos Heinze  (Progressistas). É geração de  emprego e renda através da cultura gaúcha, como o nordeste faz, da forma mais profissional possível. Um alento, em tempos de crise econômica causada pela pandemia. E um incentivo à necessária retomada das atividades tradicionalistas.

E não para aí: a mobilização do MTG em torno desse conceito também garantiu uma emenda de R$ 170 mil para oficinas em entidades de Alvorada (CTGs Amaranto Pereira, Bento Gonçalves, Chinela de Prata e o Tempo), cidade com muitos jovens em situação de vulnerabilidade social e que deverão ser beneficiados com o projeto, coordenado pelo coreógrafo Juarez Paiva. O recurso foi destinado pelo senador Lasier Martins (Podemos).

Já o deputado federal Jerônimo Görgen (Progressistas) liberou R$ 150 mil para oficinas ligadas as tradições gaúchas em municípios da 20a RT. No campo das emendas estaduais, o deputado Luiz Marenco (PDT) destinou R$ 50 mil para oficinas de vaca parada em escolas de São Gabriel, em projeto a ser desenvolvido pela 18a RT.

Tem mais notícia boa. O presidente do MTG, César Oliveira, deve anunciar nos próximos dias a criação de uma comissão que vai retomar o trabalho que busca  o tombamento da cultura gaúcha como patrimônio imaterial do Brasil, o que já acontece com o forró, literatura de cordel, roda de capoeira, Círio de Nazaré e outras manifestações.

Um dos benefícios desse status é  o abatimento integral, no Imposto de Renda, de patrocínios privados no setor, via Lei Federal de Incentivo a Cultura.

FONTE E FOTO: GIOVANI GRIZOTI

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.