Segunda-feira, 14 de Junho de 2021
Telefone: (54) 3383 3400
Whatsapp: (54) 9 9999-7374
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Tempo limpo
20°
19°C
Espumoso/RS
Tempo limpo
No ar: Conexão Líder
Ao Vivo: Conexão Líder
Bom Dia Líder

Lideranças discutem em Tapera entraves para fornecimento de energia elétrica em sistemas em irrigação

Lideranças discutem em Tapera entraves para fornecimento de energia elétrica em sistemas em irrigação
18.05.2021 06h31  /  Postado por: Roger Nicolini

Um grupo de empresários e profissionais ligados ao agronegócio da região do Alto Jacuí, , juntamente com autoridades da mesma, se reuniram em Tapera (RS), na sede da Comercial Bortolan, para tratar da preocupação com a estiagem, e definir a viabilidade de investimentos para que se mantenha a alta produtividade, uma característica da região.

Os produtores reforçam a necessidade da implantação de sistemas de irrigação para suprir o problema da estiagem, problema este que acaba baixando os índices de produtividade.

Na reunião, foram apresentados dados comparativos que mostram a grande diferença de produção das áreas irrigadas em relação a áreas de sequeiro. Porém, o que mais chama a atenção para a implantação de um projeto de irrigação, é a discrepância nos valores praticados pelas empresas que fornecem energia elétrica para as lavouras.

Segundo estudo e levantamento feitos entre 03 empresas de diferentes regiões, o comparativo do valor do serviço prestado chega a uma diferença de 300% para elaboração e execução de projetos de fornecimento de energia, o que assusta os produtores, e acaba inviabilizando o investimento, já que as empresas fornecedoras de energia possuem um poligonal definido, o que restringe a opção por serviço por outras empresas. O prefeito de Tapera, Volmar Kuhn fala a respeito.

Os presentes à reunião ressaltaram que uma propriedade rural, com alta produtividade, gera empregos e divisas para o município, além da movimentação da cadeia econômica que gera a implantação destes investimentos, o que agrada e favorece os municípios, já que estão localizadas em uma região com economia fortemente agrícola. Os produtores estão dispostos a investir e modernizar suas propriedades, mas precisam que as empresas do setor elétrico sejam parceiras para tais investimentos, ampliando suas instalações e fornecimento de energia, cobrando preço justo para tais projetos, frisou o prefeito de Tapera.

Por fim, o chefe do executivo de Tapera analisou a mudança de parâmetros para a pandemia, saindo das bandeiras para o sistema 3 A: alerta, atenção e ação.

FONTE E FOTO: JE ACONTECE

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.