Quinta-feira, 05 de Agosto de 2021
Telefone: (54) 3383 3400
Whatsapp: (54) 9 9999-7374
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Tempo nublado
20°
10°
20°C
Espumoso/RS
Tempo nublado
No ar: Conexão Líder
Ao Vivo: Conexão Líder
Geral

Angus amplia equipe de inspetores técnicos no Brasil Central

Angus amplia equipe de inspetores técnicos no Brasil Central
26.03.2021 07h55  /  Postado por: Luzia Camargo

A expansão da genética Angus nos campos do Brasil Central impulsionou o crescimento do corpo técnico da Associação Brasileira de Angus na região. Após seleção realizada junto à Associação Nacional de Criadores Herd-Book Collares (ANC), quatro novos inspetores técnicos somam-se ao time composto, até então, por 24 profissionais espalhados por diversos estados do país. Os profissionais Kelssen Elias Pereira, Maurício Batista de Lima Taveira, Pedro Salermo Casas e Rodolfo Xavier Dal Olmo irão atuar realizando visitas a propriedades no Mato Grosso, em Goiás, no Pará, em Minas Gerais e na divisa com São Paulo.

Para o gerente de Fomento da Angus, Mateus Pivato, a inclusão de novos técnicos na região ocorre em um momento bastante oportuno, tendo em vista que a raça vem se adaptando muito bem às condições locais e, consequentemente, se destacando entre os criadores do Brasil Central. “Esses profissionais chegam para auxiliar pecuaristas que trabalham com genética Angus no registro de seus animais, no manejo, na seleção, na produção de carne e em todas as áreas em que os criadores necessitarem”, explica. A superintendente de Registro da ANC, Silvia Freitas, reforça que a raça britânica tem sido a aposta em cruzamentos. “Os novos inspetores serão os nossos olhos lá na região, trazendo para nós demandas dos pecuaristas”.

Os profissionais começam a trabalhar nos próximos dias. Para Pereira, 31 anos, fazer parte do time Angus é de extrema importância, uma vez que a raça é muito versátil e apresenta importantes características como precocidade, adaptabilidade e habilidade materna, entre outras. “Com isso, podemos fomentar a raça e expandir seu uso para diversos estados do país”, destaca. Médico veterinário, ele irá atuar no Mato Grosso. Segundo Taveira, 28 anos, que atenderá criadores na divisa entre São Paulo, Minas Gerais e Goiás, trabalhar na Angus representa “novos desafios, visibilidade e, principalmente, adquirir conhecimento dentro de uma raça fabulosa”. O jovem também é médico veterinário.

Aos 28 anos, Casas irá atuar como inspetor técnico da Angus na região do Mato Grosso com foco na área do Vale do Araguaia. Para ele, é uma honra fazer parte de uma associação composta por um time de pessoas importantes para o setor e para a raça. “Continuarei trabalhando com profissionalismo, buscando prestar um serviço de qualidade e respeito, aprimorando meus conhecimentos com ensino e treinamentos que a instituição pode me proporcionar”, ressalta o médico veterinário.

Criado na fazenda, Dal Olmo, 33 anos, está realizando uma conquista pessoal e profissional ao entrar para a Associação. “Um dos meus mentores, com quem eu fiz meu primeiro estágio como estudante de veterinária, é um grande inspetor técnico da Angus. Então, fazer parte do corpo técnico de uma raça magnífica é um orgulho e uma grande responsabilidade”, afirma. O profissional realizará visita a propriedades em Goiás.

Ouça a reportagem de Luzia Camargo:

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.