Quinta-feira, 01 de Outubro de 2020
Telefone: (54) 3383 3400
Whatsapp: (54) 9 9999-7374
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Parcialmente nublado
34°
20°
21°C
Espumoso/RS
Parcialmente nublado
No ar: Madrugadão Líder
Ao Vivo: Madrugadão Líder
Bom Dia Líder

Agosto Lilás traz conscientização sobre violência contra mulher

Agosto Lilás traz conscientização sobre violência contra mulher
27.08.2020 07h25  /  Postado por: Roger Nicolini

Durante o mês de agosto, é trabalhada nacionalmente a campanha que busca o fim da violência contra a mulher e que leva o nome de Agosto Lilás. Em 2020, a Lei Maria da Penha, que criou mecanismos para coibir e prevenir a violência doméstica e familiar contra mulheres de todo o Brasil, completa 14 anos.

A denúncia de violência contra a mulher pode ser feita em delegacias e órgãos especializados, onde a vítima procura amparo e proteção. O Ligue 180, central de atendimento à mulher, funciona 24 horas por dia, é gratuito e confidencial. Mesmo que a vítima não realize a ocorrência, os parentes ou vizinhos podem fazê-la.  Casos de violência contra a mulher podem ser denunciados à Brigada Militar. A assistente social da Unidade Básica de Saúde de Campos Borges, Dalmara Batista destaca que estas mudanças na legislação foram extremamente benéficas para as mulheres.

A Lei Maria da Penha, sancionada em 7 de agosto de 2006, surgiu da necessidade de inibir os casos de violência doméstica no Brasil.  A legislação considera o crime de violência doméstica e familiar contra a mulher como sendo “qualquer ação ou omissão baseada no gênero que lhe cause morte, lesão, sofrimento físico, sexual ou psicológico e dano moral ou patrimonial”. Para a psicóloga da Unidade de Saúde de Campos Borges, Bruna Santos, outro fator que impede mais denúncias é o medo e, algumas vezes, a vergonha.

FONTE: SITE GAÚCHA DO NORTE

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.