Quarta-feira, 17 de Julho de 2019
Telefone: (54) 3383 3600
Whatsapp: (54) 9 9999-7374
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
Ensolarado
17°
15°C
Espumoso/RS
Ensolarado
No ar: Conexão
Ao Vivo: Conexão
Notícias

Fifa poderá encerrar jogos por incidentes de racismo

Fifa poderá encerrar jogos por incidentes de racismo
11.07.2019 23h09  /  Postado por: Roger Nicolini

A Fifa quer sancionar com mais rigor as ofensas discriminatórias nos estádios, fazendo com que as partidas interrompidas por essa razão sejam declaradas como perdidas, segundo o novo regulamento disciplinar, anunciado nesta quinta-feira e que vai entrar em vigor na segunda-feira.

“A não ser em circunstâncias excepcionais, se uma partida for interrompida definitivamente pelo árbitro devido a comportamentos racistas e/ou discriminatórios, será declarado perdido por via administrativa”, diz o texto.

A sanção será aplicada ao time cujos torcedores sejam responsáveis pelos incidentes e poderia ser aplicada também em uma partida da Copa do Mundo.

Depois de um primeiro anúncio por meio do sistema de som e após uma primeira suspensão da partida enviando os jogadores aos vestiários, o árbitro terá a possibilidade de interrompê-lo definitivamente caso os incidentes continuem.

O novo regulamento detalha as injúrias e comportamentos considerados discriminatórios: “os que apontam cor da pele, origem étnica, geográfica e social, o sexo, uma incapacidade, a orientação sexual, a língua, a religião, as opiniões políticas, a riqueza, o nascimento ou qualquer outro estatuto”.

Este código disciplinar só inclui as partidas Fifa, como as eliminatórias da Copa do Mundo 2022.

Os jogos das eliminatórias para a Eurocopa 2020, manchados pelo comportamento racista dos torcedores de Montenegro diante da Inglaterra em março, dependem da Uefa.

A Fifa anunciou também o lançamento de uma nova página dentro de seu site: ‘legal.fifa.com’ que vai publicar as principais decisões de suas instâncias disciplinares.

* AFP

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.