Segunda-feira, 10 de Dezembro de 2018
Telefone: (54) 3383 3600
Whatsapp: (54) 9 9999-7374
Curta nossa página no Facebook:
Clique para Ouvir
27°
14°
21°C
Espumoso/RS
Parciamente nublado
No ar: Madrugadão
Ao Vivo: Madrugadão
Bom Dia Líder

Soledade e Mormaço estão entre as 21 cidades atingidas pelo temporal no RS

Soledade e Mormaço estão entre as 21 cidades atingidas pelo temporal no RS
25.09.2018 07h43  /  Postado por: Roger Nicolini

A chuvarada que atinge o Rio Grande do Sul desde o fim de semana danificou imóveis e deixou feridos. Até o momento , 21 municípios registraram estragos em razão do mau tempo, segundo balanço da Defesa Civil divulgado na tarde desta segunda-feira (24). Em Pelotas, no sul do Estado, duas pessoas — uma criança e um adulto — ficaram feridas após serem atingidas por telhas que foram arrancadas de uma casa. O estado de saúde delas não foi informado.

A soma de aguaceiro e fortes rajadas de vento danificou 111 residências no Estado e deixou duas famílias desalojadas (em casa de amigos ou parentes) – uma em São Gabriel e outra em Pelotas.

Em 26 horas, a Porto Alegre registrou acumulado de chuva equivalente a quase metade do total previsto para o mês de setembro. Conforme a Defesa Civil municipal, o acumulado chegou a 64,69 milímetros entre 4h de domingo, quando começou o temporal, e 6h desta segunda.

O número é referente a uma média de 12 bairros da cidade onde há medição. O total de chuva no período equivale a 46,3% da média histórica de precipitações do mês, que é de 139,5 milímetros.

Em Formigueiro, na Região Central, o transporte escolar e as aulas foram canceladas nesta segunda devido ao grande volume de chuva que atingiu o município. Ainda não foi informado quando as atividades serão retomadas.

Em Soledade, no Norte, um ginásio foi completamente destelhado na comunidade de Rincão do Bugre, no interior do município. Alvorada, Canoas, Arroio dos Ratos e Gravataí, na Região Metropolitana, Porto Alegre e São Lourenço do Sul, no Sul, estão entre os municípios que registraram alagamentos e quedas de árvores e galhos, o que causou bloqueios de rodovias e danos em residências. A cidade com a maior quantidade de casas destelhas foi Montenegro, com danos em 30 imóveis.

A Unidade Básica de Saúde (UBS) Cerne, no bairro Harmonia, em Canoas, foi fechada em razão do mau tempo de domingo. O posto foi parcialmente destelhado pelas rajadas de vento, o que fez com que a água invadisse o local, atingido computadores e outros equipamentos, que foram cobertos com lona. Até as 20h desta segunda, não havia previsão de quando a UBS irá retomar os atendimentos.

O aeroporto Lauro Kortz, em Passo Fundo, teve parte das telhas arrancadas pela força do temporal.

77 mil clientes sem energia elétrica

Até as 20h30min desta segunda, pelo menos 77 mil clientes seguiam sem energia elétrica no Estado – pela manhã, eram 177 mil. Na área de concessão da CEEE, eram 41 mil clientes sem luz.  Na área da RGE Sul, ao menos 25 mil clientes estão desabastecidos e na região da RGE, são 11 mil os clientes sem energia.

A Defesa Civil emitiu novo alerta para novos riscos meteorológicos na terça-feira (25). Há possibilidade de chuva forte, ventos intensos e granizo nas regiões Norte, Noroeste, Sudoeste e Centro. Também há riscos de corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de árvores e alagamentos. O órgão também monitora o nível dos rios.

Fonte: Gaúcha ZH

Ginásio do Rincão do Bugre, Soledade,  foi um dos atingidos. Foto: Ouvintes

Comente essa notícia
Receba nosso informativo
diretamente em seu e-mail.